8 de maio de 2013

Terapia Gastrônomica 3, o prato principal: Rosbife de Filé Mignon com Ervas e Especiarias e Legumes




Depois da entrada light, o prato principal da Terapia Gastronômica 3  não teve risoto, nem macarrão, os acompanhamentos da carne foram legumes na chapa. Os legumes são os acompanhamentos perfeitos para tornar uma refeição leve, mas não exagere na carne, ela é essencial, mas não é pouco calória, uma porção do tamanho da palma da sua mão é suficiente. 








As "Chefs" que prepararam estes pratos, Carol e Martinha, já são nossas conhecidas. Clique AQUI e AQUI para ler sobre elas. As receitas estão super bem explicadas! Confiram:


Rosbife de filé mignon com ervas e especiarias (chef Martinha)

Ingredientes/Utensílios:
- filé mignon limpo e aparado de forma que ele tenha a mesma grossura em toda a extensão (se uma parte for mais “grossa” que a outra não será possível deixar o mesmo ponto da carne na peça toda) – amarrar a carne com barbante (no nosso caso o açougue já entregou limpo, aparado e amarrado... rsss mulheres modernas).
- 100g de especiarias (nós usamos um mix de temperos secos que minha mãe me deu de presente que é uma mistura de várias ervas secas com semente de mostarda, pimenta seca e sal grosso, entre outras coisas... mas você pode usar o que quiser... é possível fazer simplesmente com sal e pimenta do reino (o que é a forma mais clássica aliás).
- azeite para untar a carne e a panela
- sal/pimenta a gosto
Você vai precisar de assadeira e papel alumínio
Preparar uma “caminha” com os temperos, untar a peça de filé com azeite e “rolar” por cima dos temperos de forma que toda sua superfície seja coberta por eles. Deixar descansar por 15 a 20 minutos. Escolha uma panela de tamanho suficiente que caiba a peça toda (nós cortamos a carne ao meio para ajustar na panela que tínhamos) e aqueça com azeite. Quando estiver bem quente coloque o filé. Vá virando constantemente de forma que ele frite por igual em todos os lados e até ficar bem marronzinho. Durante este processo vá “esfregando” a carne no fundo da panela (isto é importante porque, além de dar a cor que a carne precisa, evita de o fundo da panela ficar queimado – o que caso aconteça vai dar um gosto ruim ao rosbife). Bem, este processo deve seguir até que a parte externa da carne esteja bem... bem moreninha (leva uns 20 minutos). Depois disto, retirar a carne da panela e enrolá-la em papel alumínio (de forma que o “suco” que se soltará da carne ficará preso no papel alumínio) e colocá-la no forno (alto e pré aquecido). O tempo de forno vai variar de acordo com o ponto que você deseja para o risoto. Para ficar ao ponto, uns 10 minutos de forno (claro que depende do forno também!!!)... para ficar bem passado adicionar mais 5 a 10 minutos. Se você gosta bem mal passado nem precisa fazer a parte do forno. Basta deixá-lo enrolado no papel alumínio sobre o fogão por 10 minutos. Bom, terminado o tempo de forno, abra o papel alumínio e coe o molho que se fará dentro dele. Este é o molho do rosbife. Fatie a carne em fatias (finas de preferência) e sirva com o molho.



Vegetais na chapa de ferro com ervas (chef Carol)
Ingredientes (para 8 pessoas)
3 abobrinhas italianas médias
4 cebolas médias
400g de abóbora
Sal/pimenta
Ervas para finalizar (nós usamos salsa, alecrim e manjericão frescos e picados bem pequenininho)

Lavar e descascar os legumes e picá-los em fatias de cerca de um centímetro de espessura. Para que a rodela de cebola não se desfaça ao fritar, espete nela um palito de dente em sua extensão (o palito será retirado antes de servir).
Não é necessário cozinhar e nem escaldar nenhum vegetal. Na espessura que eles foram picados, o tempo de chapa será suficiente para que atinjam o seu ponto ótimo de cozimento (mesmo a abóbora). Não tempere os vegetais com NADA. Qualquer tempero que seja colocado antes da fritura ou vai fazê-los desidratar (o caso do sal e outros temperos que levam sal) ou vão se fixar na grelha durante a fritura e serão carbonizados, “sujando” a grelha e produzindo um gosto ruim aos vegetais que serão grelhados na sequência.
Além destes vegetais listados acima, você pode usar vários outros como berinjela, pimentão, cenoura, batata, mandioquinha, etc. (mas no caso destas duas últimas creio que seja necessário dar uma pré-cozida antes de grelhar).
Bom, vamos lá: Aqueça a chapa de ferro por 10 minutos antes de começar a fritar (não coloque óleo nem nada na chapa... apenas o fogo debaixo). Disponha as fatias na grelha e dê uma leve pressionada para garantir que a fatia toda entre em contato com a grelha. Jogue sal e pimenta por cima (apenas de um lado) e deixe grelhar uns 3 minutos de cada lado ou até adquirir os “risquinhos” da grelha. Retire da grelha, jogue as ervas por cima e sirva.
Leva um tempo para grelhar tudo (dependendo da quantidade, e se sua grelha não for muito grande). Se você não quiser servir na temperatura ambiente (o que funciona super bem), você pode levar ao forno alto por 3 minutos antes de servir. Para isto vá fritando e dispondo camadas finas em uma assadeira.
Claro que você pode grelhar em frigideira ou ainda assar os vegetais no forno, mas a chapa de ferro produz um gosto meio defumado nos vegetais que em minha opinião combina muito bem com o rosbife.
Apesar de a receita estar monstruosamente enorme (eu gosto de colocar os detalhes, pois muitas vezes são eles que fazem a diferença), não é difícil de fazer.... Aliás, é bem simples, além de leve e saboroso!


Bom apetite!


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...