10 de dezembro de 2012

Ovo Poché: uma nova paixão



Adoro ovo. Pode ser de qualquer jeito, frito, cozido, omelete, mexidos. Com arroz, com pão, com cuscuz marroquino, com salada. Só tento tomar cuidado para não exagerar no consumo, uma vez que eles também estão presentes em várias preparações, como bolos, tortas, pães.
A minha nova paixão agora é o ovo poché. Sempre tive curiosidade de fazer, mas não tinha muita expectativa em relação ao sabor. Imaginava que ficaria aguado e sem graça. Para minha grande surpresa achei esta a melhor maneira de fazer ovos. Ele fica fofo, macio e a gema no ponto que eu gosto. Estou apaixonada pelo ovo assim!
Eu segui as instruções de preparo do livro, "A arte da comida simples" de Alice Waters, mas no site do GNT tem um vídeo curtinho ensinado, veja AQUI. A diferença do ovo do Claude e do meu livro é que no livro eles dão a dica de colocar vinagre na água para ajudar o ovo a não espalhar.

Ovo Poché
Do livro, A Arte da Cozinha Simples

1- Utilize uma panela de fundo grosso, que distribui de forma mais homogênea o calor. Uma panela rasa ajuda na hora de retirar o ovo;
2- Para cada 4 xícaras de água coloque 1 colher de sopa de vinagre;
3- Quebre o ovo em uma xícara, sem quebrar a gema;
4- Esquente a água, mas não deixe ferver. As bolhas da fervura estouram o ovo;
5- Delicadamente coloque o ovo na água. Ele vai para o fundo. Deixe 4-5 minutos e retire com uma escumadeira;
6- Sirva imediatamente ou mantenha o ovo em água fria até servir. Mergulhe na água quente só para esquentar e sirva.

Simples  e delicioso, como a comida deve ser!

Bom começo de semana! Lau

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...